A crise dos 18

foto minha lá no meu flickr @laryssaandrade



A menos de dois meses eu faço 19 anos. Minha mãe disse que eu não dei trabalho pra nascer, mas ela sentiu bastante dor. Talvez por esse motivo eu sou filha única. Ela também me disse que eu não chorei e que quando nasci o relógio marcava 3h da madrugada.

A menos de dois meses eu vou acordar com a mesma sensação de cada ano: "Mais um 1 de junho. Thanks, God, thanks!" e vou sentir mais um pedaço de uma escada sendo subido. É a vida. Quando você percebe o tempo já passou e a única coisa que resta é tentar aproveitar ao máximo e apenas olhar para tudo aquilo que se foi.

Eu não sei vocês, mas estou passando por uma das piores crises existenciais que a vida pode nos ofertar: a de existir. É horrível. Quando eu tinha dez anos achava um absurdo o fato das pessoas pensarem tão seriamente em um futuro que eu nem sabia se existia ou não. É engraçado não é? Eu quero estabilidade e um punhado de coisas que não cabem no peito. É normal pensar assim? Sim! Todo mundo pensa assim e tem essa crise? Não. Cada um é cada um, mon ami. 


Então, pra começar, pensa em tudo que você quer mas não consegue realizar. Agora pensa você realizando tudo amanhã assim que acordar. Pensou? E o que você fez pra realizar? Certeza que você planejou c-a-d-a detalhe e na maioria das vezes, pelo destino, você mudou a rota e preferiu outra coisa. Isso é bom, cher. Não foi como você quis, mas tem algum sentido que só você sabe. É a vida. Nós precisamos mudar algumas coisas do lugar, correr riscos e tentar.

Eu tenho pensado assim ultimamente, entende? E acho que isso vale para qualquer crise. Seja no amor, sonhos e tudo que você coloca uma pitada de esperança. O segredo é sempre prosseguir e acreditar em você. Eu tenho certeza que você pode. Comece hoje e ...

dê o primeiro passo.






2 comentários:

  1. É normal sim. Eu que tenho 30 agora, acho que é a minha melhor idade, pois sou independente e posso fazer o que quiser! :) Pense nos seus sonhos e batalhe por eles desde cedo! Você é muito novinha! Quanto antes começar, melhor! :)

    http://semperderaternurablog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Mari, tudo bem? Agradeço muito o seu comentário e conselhos. Espero que as coisas fluam ainda mais. Umas das maravilhas é obter essa independência. Vou batalhar e fazer acontecer. Um beijo! <3 :)

    ResponderExcluir