julho 20, 2015

para ler: quintal da alma | Marcus Paulo



O Quintal da Alma é um desses livros que te prendem do início ao fim. Relembrar as memórias de alguém que você conhece pouco é carregar uma responsabilidade muito gratificante. E o autor do livro, Marcus Paulo, soube nos contar suas lembranças de uma forma única: através do diálogo entre corações. Um retorno ao passado, aos seus passos, ao seu presente. São vinte e uma crônicas escritas a partir de memórias tão únicas quanto nós; e que foram geradas de sentimentos bem verdadeiros chegando ao ponto de você, caro leitor, se encontrar com os versos e a forma singela que o autor se expressa.



A capa e os detalhes internos foram produzidos e montados artesanalmente nos convidando a ter um cuidado ainda mais especial com o livro. E se você olhar mais atentamente verá um tecido simbólico a segurar uma chave, que para mim, possui significados muito profundos. Você pode marcar as suas páginas com esse acessório ou até mesmo usá-la nos seus dias. Garanto que a minha já tem um lugar especial e toda vez que olhar para a mesma lembrarei de muitos momentos especiais vividos até agora. A ideia de chave representa, no meu ver, teve o símbolo de eternidade já que no meu coração guardarei momentos tão bons feito esses que o Marcus escreveu. 

Contar histórias pessoais traz consigo um desafio enorme, mas há que administre esse dom com maestria e senti isso a cada página que eu pude passar.  


Durante o decorrer do livro fui apresentada a um universo com muitos contos diferentes e ao mesmo tempo iguais a quase tudo que um dia passou na minha vida. E isso foi o que me marcou durante a leitura. Desde a bela mariposa até às comparações que se encaixam perfeitamente a união da poesia com aquele que lê, pude entender o valioso papel das memórias para verdadeira construção daquilo que realmente somos.



Fui marcada pela simplicidade (palavra e significado que sou apaixonada). Tudo é abordado de maneira tão serena. Ao mesmo tempo consegue ser complexo em possuir tamanha cativação e sentimento.

Na mesma proporção, fui cativada pelos desenhos. A cada capítulo, um rabisco, um sentimento; uma paixão. Na imagem acima um spoiler (sorry, Marcus), do cão Gigão e do amoroso pé de pitanga. E assim como no primeiro capítulo os outros recebem a companhia de ilustrações feitas pelo Lucas Galvão.

Eu não sei vocês, mas eu guardo um amor por cada leitura que faço. Cada página de obras que leio são muito importantes porque de alguma forma elas conseguem me ensinar e cativar; além de guiar a ver a vida de uma forma especial, dependendo da temática que o autor abordará. Por motivos especiais e bem sinceros Quintal da Alma já possui um significado importante na minha vida e eu indico a leitura de tempos em tempos dessa obra que é linda.



"Levo comigo que

a alegria perfeita
tem que ter
uma gota
de tristeza,
não mais que isso.
O encontro perfeito
tem que ter 
em si, já, a gota
de ausência
e da saudade.."



Trecho de Paradoxos





Ficha do livro
Título: Quintal da Alma
Autor: Marcus Paulo
Produção Editorial: Agência Quintura
Ilustrações e capa: Lucas Galvão
Impressão: Make a Memory Papelaria Artesanal Personalizada
ISBN: 978.85-8112-125-3
Número de páginas: 54 páginas
Minha nota para o livro: 5/5

Para adquirir o livro do Marcus Paulo é só mandar um e-mail para livroquintaldaalma@gmail.com.
Instagram do Marcus - @marcus.paulo777
Boa leitura!

2 comentários:

  1. O meu amor, é um grande escritor. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que honra de ver aqui, Bruna! só li o seu comentário agora. e simmm, Marcus é um grande escritor e ser humano. bom demais encontrar pessoas tão iluminadas feito ele <3 luz para vocês dois, viu? quero poder acompanhá-los sempre. abraço grande em você! :)

      Excluir

 
poético diário 2014-2017 | design por Beautifully Chaotic