Três anos depois

O nosso arquivo de fotografias costuma ser no coração, nas nossas risadas e em tudo que guardamos conosco. Não costumamos expor as nossas vidas nas redes, mas hoje resolvi abrir uma exceção. A real é que não nos amamos menos por esse feito; o que ocorre é que temos um mundo nosso e ele nos cabe de uma forma tão linda que acabamos vivendo e andando do nosso jeito, no nosso tempo; e que, segundo a Nina, é como uma bondade eterna, entende?

Vinte um de outubro de dois mil e doze sempre será um dia lembrado por nós. Não sabemos como será o amanhã, ninguém sabe; por esse motivo plantamos o amar e só.





não teria graça sem os meus lanchinhos favoritos~











"Eu gostaria de lhe agradecer pelas inúmeras vezes que você me enxergou melhor do que eu sou. Pela sua capacidade de me olhar devagar, já que nessa vida muita gente já me olhou depressa demais." Pe. Fábio de Melo

5 comentários:

  1. que coisas mais lindas são suas fotos! sua edição, seu olhar, tudo.

    ResponderExcluir
  2. que coisas mais lindas são suas fotos! sua edição, seu olhar, tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é muito incrível te ver por aqui! agradeço o seu carinho imensamente. gosto muito do seu cantinho, ♥

      Excluir