Primeiro livro + link para download





Follow my blog with Bloglovin (cheguei por lá também <3)


Enfim. Tá tudo bem, eu sei que vocês vão me perdoar por essa foto antiga aí de cima. Eu juro juradinho que estou voltando com a fotografia amadora e vou ter um conteúdo ainda mais maneiro daqui a uns dias.

Durante muito tempo planejei escrever umas coisas pro mundo. Na verdade, eu sabia o que habitava no meu eu, só que eu tinha medo de me expor de alguma forma. Digamos que o termo "liberdade poética" não era tão entendido pela minha pessoa e eu tive que esperar um pouco de coragem surgir e finalmente tentar escrever pra valer.

A minha trajetória com a escrita não é a mais perfeita e eu não sou; ninguém é. Eu sempre me pego errando uns "quês" e "blábláblá". Mas acredito que esses equívocos me fazem crescer de uma forma tão gigante que nem eu mesma acredito. Penso que isso possa ser bom até certo ponto e que se não penetrarmos de vez na poesia as coisas se perderão no ar pra sempre.

*

Dois mil e treze foi um dos anos mais loucos e tristes que eu pude viver; e digamos que dois mil e quinze quase se resumiu a isso. Só que dessa vez eu respirei ainda mais fundo. Coincidentemente dois anos depois estou publicando. Acontece que em 2013 arquivei um cordel-livro também escrito e quase sem perceber, outra obra nasce, com outra base; outro sentir.

No dia 16 de janeiro eu estava numa varanda lendo Neide Archanjo e no instante em que a lia me bateu uma vontade indescritível de vomitar umas palavras na folha de uma agenda. Não sei se isso foi bom; no entanto, cá estou, dez meses depois e seguida de pausas bem necessárias, vos mostrando a minha primeira-quase-obra que espero arrumar num livrinho futuramente.

São cinco capítulos com uns versos divididos em mar, universo, seres e uma crônica. Chorei algumas vezes ao escrevê-lo, assim como também me livrei de pesos leves. Espero que gostem.

Para ler (e vale fazer download se quiser também) é só clicar aqui

p.s.: perdoem os erros e a pessoa que vos escreveu.

Com amor,
Lary.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

poético diário . © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.