novembro 27, 2016

a vida é isso

Eu insisto muito em um detalhe: que admiremos as coisas ao redor mesmo que tudo pareça perdido. Acredito nos detalhes e nos sentimentos bons que são despertados por tal admiração.

Esses dias fiz um poema para vocês lembrarem que it'll be ok <3







até logo, pessoal!
obrigada por tudo ♥
continue lendo

novembro 24, 2016

dear diary #2 | circunstristezas da saudade



Na semana que passou visitei a casa da minha avó paterna. Não lembro ao certo a última vez que nos vimos, não queria que fosse assim, mas teve que ser; o coração não se acostuma fácil ao que a vida inteira esteve "desacostumado". E no meio de tantos sentimentos duas cenas chamaram a minha atenção.

A primeira cena é do quintal de lá, pois ali eu realmente fui feliz. Hoje ele está vazio, minhas primas moram em outro estado, assim como as minhas tias. Quando olhei pra baixo lembrei com afeto das vezes que ali corri, caí, levantei. Caraaaa, como a vida passa rápido. A outra cena foi ver meus pais e meu namorado comigo, só nós quatro naquele lugar debaixo de um pezinho de acerola as colhendo - e comendo. Eu já fiz isso outrora, mas naquele fim de semana foi diferente. Eu não tinha as minhas primas, nem tias, nem a avó. Só estávamos nós. Aí nesse instante eu vi que realmente cresci um pouco mais e que, de uma forma ou de outra, a vida tá aqui e não importa como você segue. Ela pulsa, tá aqui. Enquanto colhia observava as plantas, os galhos, os frutos, os passos de quem estava ao meu lado e só pensei o quanto é bom admirar a vida devagar e mesmo assim continuar vivendo. Suas formas, cores, sons [...] viver me parece ser realmente bom.

Nesse dia não levei a câmera ~perdoem se a qualidade não estiver tão ok~





neve, leve chuva, 
vento,
 pôr-do-sol 
sonho, riso, 
choro, 
compreensão

"Se", Rosa de Saron












Até logo, queridos/as!
Obrigada por tudo <3
continue lendo

novembro 18, 2016

merci, universo

Vez outra é bom se perder nos detalhes. Sempre que posso estudo as frutas, as plantas, as flores, seus jeitos e "sorrisos". Vai tudo pro papel e assim elas podem renascer diante de mim. Coisa linda é a arte, né? <3



bônus do amor: vídeo que gravei enquanto desenhava, ó ♥

 




melhor frutinha, melhor suco ♥

até logo, queridos/as!
obrigada por tudo ♥
continue lendo

novembro 15, 2016

nostalgic

Quando alguém disser "toma, fiz essa foto pra você" é o mesmo que "te amo porque te dou o meu olhar sincero". A fotografia é importante por mil e um motivos e foi assim que recebi essa foto do Rick hoje, com as palavras e o lembrei de você. São Paulo de um jeitinho manso - que só os olhos dele sabem captar. Acredito que esse amô pelos detalhes vêm de família. Nossa avó era contadora de histórias, costurou, desenhou e era muito sentimental. Ela sentia muito, por tudo; foi uma poetisa linda. Eu e Rick amamos fotografia e essa publicação tá sendo tão nostálgica que...







Hoje é feriado, choveu e dormi boa parte da tarde. Deu pra editar vídeo de desenho e publicar no canal, deu pra assistir uma das séries do meu momento e fazer mais uma coisa da listinha de coisas para cumprir durante as férias. Enfim. Após dias estranhos me sinto bem, quero dizer, por vezes quero tropeçar... mas aí encontro motivos bons para continuar.




Até logo, queridos! 
Obrigada por tudo.
continue lendo

novembro 14, 2016

crochê


Arte é a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética, feita por artistas a partir de percepção, emoções e ideias, com o objetivo de estimular esse interesse de consciência em um ou mais espectadores, e cada obra de arte possui um significado único e diferente.


Arte. Plural, singular. Um. Mente. Silêncio. Asas.


Definir a arte hoje em dia me parece mais simples. Fico feliz com a lista de pessoas iluminadas que acompanho e o quanto a maioria delas consegue demonstrar/sentir algo pela pintura, fotografia, canto, a dança  - apesar de toda dor normal que a criação, por exigir muito do nosso peito, nos pode causar.

Esses dias terminei a minha primeira toalha de centro feita com crochê. Ela foi realmente de centro para mesa, pequena, de cor bege e torta ~ óbvio ~, mas, no meu ver, a mais bonita do mundo porque veio de dentro, com a ajuda da minha professora (mamãe) e também com a presença das coisas ao meu redor. De uma melodia, de um episódio da série favorita, do cheiro do café. Da vida. Por se tratar de um momento tão especial pensei que as fotos abaixo pudessem ser nuas, sem cor e com vida. Eu quis despertar a mente de vocês, assim vocês podem imaginar o meu meio e quais cores ali estavam presentes. A fotografia p&b carrega isso, o silêncio, o significado único para tudo.

Confesso que fiquei com vontade de fotografar, a partir de agora, somente em p&b, haha <3 :)))









 até logo ♥

continue lendo

novembro 11, 2016

aparência minimalista em blogs



Desde que eu comecei a pensar a possibilidade de ter um cafofo virtual abracei a ideia do "menos é mais". Vocês devem observar o meu amorzão por temas simples e de fácil acesso. Isso funciona muito pra mim e fico cheia de amô quando entro no lar virtual de alguém e vejo simplicidade.

Depois de várias visitas aos blogs, sejam eles brasileiros ou não, percebi que muitos adotam características minimalistas e outros passaram a ser assim com o tempo. Gosto das cores, mas tô num momento tão legal com a simplicité que resolvi compartilhar umas inspirações com vocês - e que moram no meu peito de uma forma especial.



O blog da Caterina Neri - caterinaneri.com






O blog da Gabi - g-ciolini.blogspot.com.br




 


O blog da Sofia - sofiamotta.blogspot.pt



O intuito da publicação, como o título já diz, é inspirar vocês e mostrar como a leveza na blogsfera é algo bonito de ser visto! <3

Aqui mais uma listinha com cantinhos lindos:

Tales of me and & the husband

Be coming minimalist

The college prepster

Cup of jo

Candy deer

A temporada das flores

Coisas de Pablo



Vocês já conheciam algum desses blogs? ♥


continue lendo

novembro 09, 2016

respirando ♥ // vídeo


As férias ainda continuam. Digamos que ainda não passei dias longe de casa, mas os poucos passados me foram necessários para que eu sentisse coisas que estavam presas - e que agora não estão mais. Sentir a tristeza, pra valer, foi algo que não me permiti desde a última vez em que assisti My mad fat diary. E o pensamento valioso que aquela série me deixou foi incrivelmente utilizado nesses quase um ano depois que pude assisti-la.

''Talvez a minha doença não era um problema. Talvez era algo com o qual eu precisava aprender a conviver. (...) Kester diz que tenho obrigação comigo mesma em tentar. Eu preciso aprender como lidar com as coisas... do meu jeito. Vou parar de esperar que alguém venha e me salve.''

Eu realmente fiquei triste e longe até do Instagram. Não quero chamar de depressão ou culpar os meus hormônios pelas coisas que senti. Segundo o médico, algo do meu meio me afetou - só que eu só chamo de tristeza e não quero aumentá-la por um longo tempo. Bom, e como estou hoje? Sou a minha heroína. Aprendi (de novo) a respirar e voltar a escrever aqui vai ser algo incrivelmente bom para os meus dias.

~

As três fotos do início da postagem estão no meu feed no Insta e foram de um dia calmo em família - que eu quase não participei, mas mamãe disse que seria bom eu sair um pouco. E ela estava certa. Não me vejo fazendo outra coisa: eu amo registrar o mundo, amo escrever. Culpo a minha falta de organização por não ser tão presente, mas a partir do dia em que resolvi me afastar um pouco daqui, decidi reverter essa situação. Força e foco serão necessários e 'cês me entendem bem.




Essas últimas fotos refletem um pouco da "mudança" que eu trouxe pro meu feed. Eu me cobro muito (muito). Nunca consigo deixar a conta organizada como eu queria; mas dessa vez tô numa outra tentativa ~a vida é feita de tentativas, cá estou outra vez~. Não sei se conseguirei, mas tentarei registrar em perspectivas diferentes, eu juro hahaha

 Lembram da listinha do último post? Os cumprimentos estão em andamento. Já se foi um livro e já iniciei o outro <3

Pra terminar, um vídeo. Um recomeço no YouTube. Filmei umas coisas essa semana e acabou surgindo um vídeo que mostra alguns fatos sobre mim. Talvez não tenha ficado como eu queria........ talvez; mas espero que gostem de me conhecer um pouco mais hihi 





Vamos ficar mais juntinhos? É só se inscrever. ♥
Até logo :)))
continue lendo
 
poético diário 2014-2017 | design por Beautifully Chaotic