dezembro 14, 2019

era uma vez um pé de jabuticaba


Como boa admiradora das plantas, ter uma pequena árvore em casa sempre foi um desejo meu. 

Quando por aqui chegou uma pequena muda de jabuticaba, imaginei como seria legal ver a plantinha crescer e logo se transformar na sonhada árvore. Não demorou e ela se desenvolveu bem, mas sentimos que apesar de cultivá-la bem ela precisaria de uma casinha maior. Se eu disser que tô ok com essa decisão estarei mentindo muito, mas lá no fundo fico contente por ela poder se desenvolver num espaço lindo e com muito amor também - principalmente porque a casinha que ela vai na verdade é uma chácara de familiares.

Enquanto amante da fotografia eu consegui fazer alguns registros daquela que foi a minha árvore. Talvez por esse motivo escrever esse post me é muito especial e eu tô muito emocionada.











See you.

5 comentários

  1. Ai, que post mais delicado! sua jabuticabeira vai dar muitos frutos em outro lugar, e isso é lindo. No quintal daqui de casa temos muitas flores mas vislumbro o dia em que vamos plantar alguma arvore pra nos trazer sombra (essa semana mesmo conversei com minha mãe sobre isso).

    p.s: minha mãe que ama plantas tem um bonsai de jabuticaba e ele fica na nossa janela da cozinha, acho um charme quando bate a luz do sol. <3

    https://lizkaroline.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já tô na torcida para que vocês plantem uma neném e ela forneça muita sombra, viu?
      sobre a luz que bate na janela: isso é mágico! fico boba admirando a dança das luzes também <3 é tão bom ficar cercada de "verde", não é?

      Excluir
  2. Ai, que linda! Quero um dia poder plantar uma árvore.
    E que bonita a delicadeza de deixá-la ir para longe afim de ter a oportunidade de crescer mais e mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no fim, amar também é isso <3
      me emociono de pensar, mas foi melhor pra ela.

      Excluir

poético diário . Design by Berenica Designs.