agosto 03, 2020

quando a arte me encontra

quando eu estava lendo Ana Holanda esses dias, fui tomada por um sentimento de paz que sempre acontece quando a leio. o livro que me encontrou nos guia a conhecer sobre a escrita, mas precisamente a escrita afetiva defendida por Ana. me conecto em cada página, pois me sinto abraçada por cada parágrafo e histórias das tantas referências que a jornalista cita.


esses dias, enquanto abria o instagram para conferir umas coisas, a Ana estava numa live. eu ainda não havia assistido nada dela, nem sequer escutado a sua voz. eu a conhecia através dos versos. no instante em que abri a live ela estava dando uma dica valiosa: criar uma pasta em alguma rede social e colocar registros que te inspiram. não foi exatamente assim que ela falou, mas nessa dica o intuito é que possamos escrever sobre os motivos que nos fazem amar aquelas fotos, sabe? na hora lembrei do meu perfil no we heart it, a minha rede social favorita, e me lembrei também das tantas coleções afetuosas que tenho por lá (segue o print da pasta no registro a seguir)

quando Ana nos guiou a olhar com carinho para alguma pasta com fotos, eu reparei numa fotografia que tinha tinta aquarela, guache, pincéis, borrachas; enfim. o kit completo para fazer alguma pintura. eu me vi ali de uma forma tão boa, tão minha. é fascinante ficar com alguma pontinha de arte perto da gente. seja na fotografia, na colagem ou qualquer outra vertente. me senti inspirada para registrar as minhas companheiras de criações com cores, as aquarelas.





vejo vocês em breve

4 comentários

  1. Já vi que será lindo este mês com postagens diárias suas por aqui! Você é pura inspiração, Lary <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhh lindeza ♡
      fico feliz que você estará aqui esse mês, viu? e sempre me alegro quando tu comenta.

      Excluir
  2. Fiquei muito interessada em conhecer a obra da Ana Holanda. Há pouco abri uma conta do Pinterest e estou gostando muito de salvar em pastas as coisas que me inspiram. Eu gostei do modo como funciona o algoritmo do Pinterest e confesso que sempre que entro nessa rede social a inspiração vem.

    Amei as suas capturas, me transmitiram uma sensação muito boa, e até me inspiraram a pintar com aquarela - faz algum tempo desde que não mexo com essas tintas.

    Um beijo, Lary!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que você possa pintar algumas vezes mais, viu? <3 e sim, essas redes inspiradoras são bem legais para a nossa criação. amo o we heart it. me sinto muito bem quando navego por lá. :D

      Excluir

poético diário . Design by Berenica Designs.